Search

Check list do design

Updated: Sep 13



Sabe o maior erro que cometemos ao tentar aprender algo novo? É achar que o desconhecido tem que ser complicado. Nem sempre é.


Se tem algo que eu gosto de fazer é desmistificar as coisas! Facilitar ao máximo para que aquilo que eu proponho ensinar esteja ao alcance da maioria das pessoas.


Faço isso com o design há anos porque acredito fortemente que design é uma disciplina que deveria estar mais presente na vida de todos, pois traz QUALIDADE DE VIDA. Isso é assunto para outro post, mas vamos lá...


Bora descomplicar? Hoje trouxe alguns termos do nosso universo que podem te ajudar a ter um entendimento maior sobre não só design, mas também comunicação, marketing e criatividade.


Briefing


O briefing é um documento que servirá como um guia para a execução de um projeto. Ele contém uma série de informações como: dados sobre a empresa, o mercado em que ela atua, o público ao qual ela se direciona e os seus objetivos com o projeto.


Antes de dar o pontapé inicial em qualquer projeto, é fundamental ter um briefing em mãos.


Comece qualquer projeto com uma série de perguntas ao nosso cliente (ou a nós mesmos). Esta é a essência do briefing.


  • Sobre o que é o projeto?

  • Que tipo de produto ou serviço se trata?

  • Qual estilo a seguir?

  • Qual é o público-alvo?


Branding


Branding é o conjunto de ações alinhadas ao posicionamento, propósito e valores da marca. O objetivo do branding é despertar sensações e criar conexões conscientes e inconscientes, que serão cruciais para que o cliente escolha a sua marca no momento de decisão de compra do produto ou serviço.


Seu objetivo principal é despertar sensações e criação de conexões fortes, que serão fatores relevantes para a escolha do cliente pela marca no momento de decisão de compra.


O grande benefício do Branding é o reconhecimento da marca de imediato e conexões emocionais com o público-alvo. Mas existem outros muito importantes também. São eles:

  • Aumento da confiança com seu público

  • Presença na mente do consumidor

  • Maior valor atrelado a marca

  • Fidelidade com o público


Benchmarking


NADA MAIS É DO QUE UMA PESQUISA DE MERCADO


Benchmarking é tomar como referência uma empresa (ou várias) e analisar com profundidade suas técnicas de marketing, produção e processos logísticos, entre outros.


É uma técnica desenvolvida e muito utilizada por indústrias para monitorar a concorrência, comparar o desempenho de resultados e melhorar a eficiência de processos.


Ao dar início a um novo projeto, é super importante que você realize uma pesquisa de empresas, pessoas e negócios semelhantes e concorrentes ao que você planeja. Mas atenção: o objetivo aqui é realizar uma análise: jamais copiar!

Pesquise em sites, contas do instagram, revistas, blogs, lojas, estabelecimentos, produtos, tudo é válido!


Moodboard


Essa ferramenta pode ser traduzida como um “painel de imagens conceituais” e de “inspiração”.


Consiste em uma colagem digital ou física de ideias, um universo de cores e formas utilizado normalmente na área do design de interiores, da moda e no design gráfico.


Nesse quadro cabe tudo aquilo que pode ajudar você a definir a direção do seu projeto: fotografia, ilustrações, paletas de cores, texturas…


Potencial do moodboard:

  • Formar uma base para seus projetos

  • Clarear Ideias

  • Envolver os clientes desde o início

  • Facilitar a colaboração


E aí? Descompliquei o design pra você? Me conta aqui nos comentários por onde você vai começar seu check-list! 🤩

2 views0 comments

Recent Posts

See All